RADIO WEB JUAZEIRO : NOTA DO PSOL DE PETROLINA
sexta-feira, 17 de setembro de 2021

NOTA DO PSOL DE PETROLINA


O PSOL de Petrolina, vem a público repudiar veementemente, as candidaturas Laranja no Município de Petrolina, no pleito eleitoral 2020, conforme denunciado com provas robustas e acatado pela Justiça Eleitoral após manifestação favorável do Ministério Público.

Reiteramos nossa solidariedade e o apoio incondicional à Lucinha Mota, Legitima candidata eleita no Pleito 2020, uma vez que, candidaturas do Avante, recheadas de crime eleitoral conforme comprovado nos altos e decisão do Tribunal de Justiça em Petrolina de cassação do Mandato do Vereador Junior Gaz.

A decisão monocrática do Tribunal de Pernambuco, de conceder liminar ao avante não altera a sentença do juiz de 1º grau, na qual julgou procedente as denúncia de fraude eleitoral, contra o partido Avante. Não há como se manter um Gabinete Parlamentar ilegítimo, construído após irregular eleição do candidato" (sentença pág. 29). Contudo, o PSOL, juntamente com a vereadora eleita Lucinha Mota, vai recorrer da decisão, baseada no sistema jurídico constitucional que rechaça as candidaturas espúrias e fraudulentas.

Temos a tranquilidade e a confiança na Justiça Eleitoral, que vem agindo de forma exemplar em todo o Brasil, para tirar de circulação todos mandatos de candidatos que se utilizaram de subterfugio criminosos, para se manter no poder a qualquer custo. Crimes tão graves que burlam a Lei Eleitoral, e atentam contra os direitos das Mulheres, e nesse caso, em especial, o da candidata do PSOL, Lucianha Mota, que obteve 2656 votos e a soma dos candidatos do PSOL, ultrapassou a marca dos 5 mil votos, honestos e conscientes.

Sem a garantia da igualdade de gênero, e a aplicação da lei, não há justiça e compromete diretamente a nossa democracia e consequentemente a soberania popular.


Petrolina, 16 de Setembro de 2021
Direção Municipal do PSOL de Petrolina

Direção Estadual do PSOL Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE