RADIO WEB JUAZEIRO : Estado de exceção começa a vigorar em regiões do Chile
terça-feira, 15 de fevereiro de 2022

Estado de exceção começa a vigorar em regiões do Chile

Decisão do governo se deu depois que um caminhoneiro morreu após conflito com imigrantes venezuelanos
 
Reprodução/Twitter - 12.fev.2022
Ministro do Interior e da Segurança Pública, Rodrigo Delgado, em reunião com sindicato dos caminhoneiros. Ministro chileno está segurando o microfone
PODER360

O Estado de exceção começa a vigorar em algumas regiões do norte do Chile a partir desta 2ª feira (14.fev.2022). O governo chileno decretou a medida no último sábado (12.fev) para que as Forças Armadas auxiliem na supervisão de vias e rodovias da região. Os locais são atualmente epicentros de uma crise migratória.

A medida vale para as regiões de Arica, Parinacota, Tamarugal e El Loa. Na última semana, caminhoneiros chilenos bloquearam rodovias em protesto contra a morte de um colega de 25 anos depois de um confronto com imigrantes vindos da Venezuela, em Antofagasta. A cidade fica a 1.400 quilômetros ao norte de Santiago, capital do Chile.

Em entrevista no último sábado (12.fev), o ministro do Interior e da Segurança Pública, Rodrigo Delgado, disse que a decisão foi tomada depois de uma reunião feita com representantes do sindicato dos caminhoneiros. Integrantes da categoria ergueram barricadas e bloquearam as principais vias para pedir segurança. Os protestos foram suspensos no sábado (12.fev).

“Entendemos a situação em que eles [caminhoneiros] estão. Trabalhamos dia a dia para poder apreender mais drogas, armas e evitar a violência”, disse Delgado.

O ministro também afirmou que o decreto de estado de exceção permitirá “um reforço importante em meios aéreos e terrestres, sobretudo para supervisionar e vigiar as rodovias que mais interessam aos sindicatos”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE