RADIO WEB JUAZEIRO : Foliões desinstalam app de banco para evitar roubos em primeiro Carnaval com Pix
segunda-feira, 25 de abril de 2022

Foliões desinstalam app de banco para evitar roubos em primeiro Carnaval com Pix

Estratégia foi adotada por foliões de São Paulo para impedir ação criminosa

Marcello Casal Jr./Agência Brasil - Redação BNews

Foliões que curtiram as festas de rua do Carnaval de São Paulo, nos últimos dias, decidiram adotar estratégias para diminuir os riscos de prejuízos com o Pix em casos de roubo de celular. De acordo com a Folha de S. Paulo, diferentemente do ano passado, quando muitos bandidos acabaram invadindo contas bancárias depois de furtarem ou roubarem os aparelhos eletrônicos durante festas populares, esse ano os usuários acabaram desinstalado os aplicativos de bancos para dificultar a ação criminosa.

Após roubar ou furtar os celulares, os suspeitos costumavam burlar as travas de segurança rapidamente, impedindo que a vítima pudesse reagir a tempo.

Desta vez, uma das estratégias utilizadas pelos foliões foi usar um segundo aparelho para ir às festas de rua, como fez a publicitária Raíssa, de 33 anos, que participou do bloco Perdidos no Paraíso, na Água Branca, zona oeste de São Paulo. "Vim com um celular quebrado. Sem aplicativo de banco, com senha extra para Gmail. Antes, a gente nem se preocupava. Se perdeu, perdeu. Mas, agora, tem o Pix", relatou a foliã.

Quem também aderiu uma forma de evitar o prejuízo foi o editor de vídeo Alexandre Amendola, de 36 anos, que desinstalou o aplicativo do banco. "Fiquei esperto. Hoje, vim para o bloco e desinstalei o aplicativo", conta o rapaz, que aproveitou a folia na praça Olavo Bilac.

Já a advogada Andréa Miranda, de 29 anos, decidiu desinstalar o aplicativo da corretora de valores onde aplica o seu dinheiro, assim, ficou mais à vontade em usar o celular por alguns minutos durante o cortejo do bloco “Vai Quem Quer”, no bairro do Butantã, zona oeste da capital paulista. “O receio é que, para reinstalar o aplicativo do banco, vou precisar ir à agência. Deixo pequena quantia de dinheiro, inclusive, mas onde faço meu investimento eu já deletei", afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE