RADIO WEB JUAZEIRO
sábado, 16 de fevereiro de 2019

A OPINIÃO DO PROFESSOR TACIANO MEDRADO

Opinião!
A imagem pode conter: Taciano Medrado, close-up
Taciano Gustavo Medrado Sobrinho

Começou o carnaval antecipado de Juazeiro , de acordo com os contratos feitos e tornados públicos , o prefeito Paulo Bonfim irá gastar com atrações centenas de milhares de reais .A pergunta que faço é: Qual a origem desse dinheiro , ja que se sabe que o prefeito começa uma obra e não termina por falta de recursos? A avenida principal da cidade está com as obras inconclusas, e colocando em risco a população , as ruas estão quase todas esburacadas . Aqui no Dom Tomaz e Tancredo Neves bairros onde o senhor prefeito morava e transitava todos os dias não tem mais asfalto , próximo ao EMEI , e ao lado do batalhão , os esgotos estourados e correndo pelas ruas, a cidade esta um verdadeiro lixo. Os espaços de lazer como a Lagoa de Calu , depois que inventaram de limpar a lagoa , é uma sujeira e fedentina só , a orla nova não tem quem ande , a mesma podridão . A saúde tá precária e na UTI, basta visitar os postos de saúde e conferir . O mercado municipal Joca de Souza Oliveira esta em ruínas e em total estado de abandono, inclusive já foi denunciado aqui em redes sociais . Por que se consegue dinheiro tão fácilmente e rápido para o carnaval e pra concluir obras de infraestrutura , pra saúde não ? Aonde estão os vereadores eleitos pra defender os interesses do povo ? Decerto devem estar dormindo depois de curtirem em um camarote VIP o carnaval , regado a muita comida e bebidas a gosto e mulheres bonitas .



Taciano Gustavo Medrado Sobrinho
Professor , Engenheiro Agrônomo, Bacharel Em Administração de Empresas e cidadão juazeirense de berço e vascaíno.

CARNAVAL DE JUAZEIRO INICIA COM REFORÇO NA SEGURANÇA PÚBLICA





Na noite desta sexta-feira, 15 de fevereiro, inicia o carnaval de Juazeiro que, no ano de 2019, com uma segurança ainda mais otimizada, contando com um efetivo de aproximadamente dois mil policiais militares empregados todos os dias diretamente no evento.

Durante os três dias de festa, atrações de peso como Leo Santana, a banda Cheiro de Amor, Psirico, Robyssão irão se apresentar fazendo a alegria do folião. Para garantir a tranquilidade em todo o circuito, 22 postos elevados estarão distribuídos por todo o terreno, além de policiamento nas mais diferentes modalidades, inclusive com a aplicação da policia montada.

O aporte tecnológico é o grande diferencial do trabalho da PM este ano. Será empregado no serviço uma Plataforma de Observação Elevada (POE), que conta com duas estações para captação de imagens, acompanhadas de seis câmeras externas para monitoramento pela plataforma, além de câmeras fixas em sua estrutura com sensor de calor e movimentos. Um outro recurso que será utilizado pela PM neste evento são os Drones. Por meio de imagens aéreas, os policiais serão orientados para agir com maior rapidez e eficácia nas situações de necessidade.

A Policia Militar continuará realizando, sem prejuízo, o policiamento ordinário em todos os demais bairros, de forma a não causar nenhum tipo de transtorno à população. 

O Comando de Policiamento da Região Norte (CPRN) lança mão de todos os recursos possíveis, para garantir que os cidadãos de bem possam festejar com segurança mais uma edição do marco inicial do Carnaval da Bahia, fortalecendo assim a corrente do bem.






ASCOM CPRN

COMANDANTE GERAL DA PM ACOMPANHA PESSOALMENTE CARNAJUÁ






Na noite de abertura dos festejos do Carnaval de Juazeiro, 15 de fevereiro de 2019, o Coronel PM Anselmo Alves Brandão visitou, pessoalmente, o Posto de Reunião de Tropa (PRT), bem como os quatro Postos Setoriais de Comando (PCS) espalhados pelo circuito.

Visando a maior aproximação com a tropa, a valorização da mesma e a melhor execução do serviço, o Comandante Geral da Polícia militar da Bahia, veio a Juazeiro para acompanhar de perto o andamento dos festejos, cumprimentar os policiais e orientar os mesmos sobre a execução do serviço em campo.

“Precisamos sair para campo sempre lembrando do que fizemos de bom hoje e observando as falhas para poder corrigir. Este é o nosso crescimento e aperfeiçoamento diário.” Afirmou o coronel.

O Coronel PM José Anselmo Moreira Bispo, comandante do policiamento da região norte (CPRN) acompanhará diretamente a atuação da tropa, realizando visitas aos postos de serviço e orientando à mesma no que for necessário para sua melhor atuação. 

A participação dos comandantes durante a atuação efetiva dos militares será de forma próxima e constante, afim de apoiar e otimizar o serviço prestado pelos mesmos. A corrente do bem no Carnajuá se torna ainda mais forte a partir da junção de forças para servir e proteger ao cidadão de bem.



ASCOM CPRN

Conheça uma das histórias mais tristes de Hollywood!


Seu nome é Sylvester Stallone. Um lutador em todos os sentidos da palavra. Nasceu com uma paralisia facial o que lhe rendeu apelidos e bullying na infância. Em um ponto de sua vida estava tão pobre que roubou as poucas joias que sua mulher tinha e as vendeu. As coisas ficaram tão ruins que ele acabou morando na rua. Sim, ele dormiu na estação de ônibus de Nova York por 3 dias.

Incapaz de pagar aluguel ou comprar comida. O fundo do poço chegou quando ele teve de vender seu cachorro em uma loja de bebida para um estranho qualquer pois não tinha dinheiro para alimenta-lo mais. Ele o vendeu por $25, entregou seu cachorro e saiu chorando.
Duas semanas depois ele viu uma luta de boxe entre Mohammed Ali e Chuck Wepner e essa luta o inspirou a escrever o roteiro de ROCKY. Ele escreveu o roteiro durante 20 horas seguidas! Tentou vendê-lo e recebeu a oferta de $125.000, mas tinha apenas UM PEDIDO. Ele queria ESTRELAR no filme como o personagem principal ROCKY, mas o estúdio disse NÃO. Eles queriam uma "estrela" de verdade.

Disseram que ele "tinha um rosto engraçado e falava engraçado". Ele saiu com seu roteiro. Depois de algumas semanas o estúdio o ofereceu $250,000, ele recusou, então ofereceram $350,000, e ele ainda recusou. Queriam o seu filme mas não o queriam. Ele disse NÃO! Eu tenho que estar nesse filme.
Depois de um tempo o estúdio concordou em lhe dar $35,000 pelo roteiro e o deixaram estrelar o filme. O resto entrou para a história do cinema. O filme GANHOU prêmios de MELHOR FILME, MELHOR DIREÇÃO, MELHOR EDIÇÃO e o prestigioso OSCAR de MELHOR FILME. Ele ainda foi nomeado como MELHOR ATOR! O filme ROCKY entrou para os registros americanos da indústria de cinema como um dos maiores filmes até então feitos.

E você sabe a primeira coisa que ele fez com os $35,000?

COMPROU DE VOLTA O CACHORRO QUE HAVIA VENDIDO. Ficou parado na loja por 3 dias até que o homem voltasse com seu cachorro. O homem se recusou a vende-lo mesmo por $100, Stallone então ofereceu $500, ele recusou. Ele então ofereceu $1.000. Acredite ou não, Stallone teve de pagar $15.000 pelo mesmo cachorro que ele vendera por $25.

O mesmo Stallone que morou na rua, que vendeu seu cachorro pois não podia alimentá-lo, é um dos maiores ícones do cinema mundial hoje.

E ele mesmo diz...

"Não ter dinheiro é ruim, MUITO RUIM. A vida não será fácil. Oportunidades passarão por você ser um ninguém. Pessoas vão querer seu produto e não VOCÊ. É um mundo cruel. Se você ainda não é famoso, ou rico, ou bem conectado você vai achar ainda mais difícil. Portas se fecharão. Pessoas roubarão sua glória e esmagarão sua esperança. Você vai se esforçar, se esforçar e nada acontecerá. Então desolado, quebrado, pobre, você aceitará trabalhos que não o completam por sobrevivência. Quem sabe pode até acabar dormindo na rua. Mas NUNCA deixem que destruam seu sonho. Seja o que for que aconteça CONTINUE SONHANDO, mesmo quando esmagarem sua esperança CONTINUE SONHANDO, mesmo quando te deixarem sozinho CONTINUE SONHANDO. Ninguém sabe do que você é capaz a não ser você mesmo. Enquanto você estiver vivo, a sua história ainda não acabou." 


Sylvester Stallone

Bolsonaro decide exonerar Bebianno

Um dos homens mais próximos do presidente durante as eleições, ministro é suspeito de envolvimento em esquema de candidaturas de laranjas

Da Redação com Reuters 

Gustavo Bebianno e Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral
 (Foto: Ricardo Moraes/Reuters)

Após encontro com o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gustavo Bebianno, nesta sexta-feira, 15, o presidente Jair Bolsonaro optou pelo seu desligamento do governo. A demissão deve ser oficializada na segunda-feira, 18, com a publicação da exoneração de Bebianno no Diário Oficial.

O político do PSL, um dos homens mais próximos do presidente durante campanha eleitoral, é suspeito de estar envolvido em um esquema de candidaturas laranjas nas eleições do ano passado.

Encontro
Depois de três dias de crise, Bebianno se reuniu com Bolsonaro. O Planalto não deu informações sobre a reunião.

Na primeira parte do encontro, segundo fontes, participaram também o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno.

No final, ficaram apenas o presidente e Bebianno.

Denúncias

Envolvido em denúncias de que seu partido usou candidatos laranja a deputado para acessar recursos públicos de financiamento de campanha, Bebianno entrou em um processo de fritura no governo no início desta semana, capitaneado por Carlos Bolsonaro, mas endossado pelo pai.

Em entrevista ao Globo, na terça-feira, para mostrar que não havia crise no governo por conta das denúncias, Bebianno afirmou que havia conversado três vezes com Bolsonaro. No dia seguinte, Carlos usou sua conta no Twitter para negar as conversas e chamou Bebianno de mentiroso.

Em seguida, Carlos colocou um áudio do pai falando a Bebianno: “Gustavo, está complicado eu conversar ainda, então não vou falar com ninguém a não ser o estritamente essencial. E estou em fase final aqui de exames para possível baixa hoje, tá ok? Boa sorte aí.”

O próprio presidente retuitou as mensagens de Carlos no início da noite e, em entrevista ao jornal da Record, afirmou que Bebianno teria que se explicar e poderia deixar o governo.

Mesmo tendo passado o recado de que Bebianno ficaria, o presidente não havia falado com ele até esta sexta-feira. Bebianno esperou para falar com Bolsonaro durante toda a quarta e a quinta-feira, mas não foi chamado. Na madrugada de quinta, angustiado, o ministro trocou mensagens com o vice-presidente, Hamilton Mourão, a quem disse estar "magoado" com a situação.

Na quinta-feira, o ministro disse a um parlamentar da base aliada se sentir injustiçado. Segundo essa fonte, que preferiu falar sob anonimato, o ministro estava convicto de que não tinha motivos para deixar o cargo, uma vez que, a seu juízo, não haveria o que responder por recursos usados por candidatos a deputado nos Estados na época em que cuidava exclusivamente, como presidente do partido, da campanha do presidente.

Na noite de quinta, o ministro divulgou uma nota para reforçar sua posição. "Assumi interinamente a presidência da Executiva Nacional do PSL de 5/2/2018 a 29/10/2018, para cuidar da candidatura do presidente Jair Bolsonaro", disse Bebianno na nota.

"Meu trabalho foi executado com total transparência e lisura. As contas da chapa do então candidato Jair Bolsonaro, que estavam sob minha responsabilidade, foram aprovadas e elogiadas pelos ministros do TSE", acrescentou.

Bebianno disse ainda que as candidaturas sob suspeita - a da postulante a deputada federal Maria de Lourdes Paixão e a pretendente a um cargo de deputada estadual Érika Siqueira Campos, ambas por Pernambuco - receberam recursos por determinação e responsabilidade do diretório do PSL naquele Estado. Ambas receberam recursos significativos, mas tiveram votação inexpressiva.
sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

Homem acusado de contaminar seis mulheres com HIV é preso

Em agosto do ano passado, a última companheira do rapaz descobriu a doença e pediu a separação

Agência O Globo


Diego Cordeiro Pierre, de 34 anos, foi preso nesta quinta-feira, na Baixada Fluminense. Ele estava com a prisão preventiva decretada pelo Juizado de Violência Doméstica de Piabetá, em Magé, por suspeita de crime de perigo de contágio de moléstia grave e doença incurável. Portador do vírus HIV desde 2008, ele omitiu que tinha Aids para seis mulheres com quem manteve relacionamento sexual.

Foto: Reprodução

Segundo a polícia, em 2012, a primeira mulher de Diego morreu após ser contaminada pelo marido. Questionado por parentes de sua companheira sobre a doença, ele falsificou exames e negou ser portador do HIV. De acordo com inquérito da 66ª DP (Piabetá), após a morte da mulher, Diego viveu ainda com mais cinco mulheres e omitiu a doença de todas elas.

Em agosto do ano passado, a última companheira do rapaz descobriu a doença e pediu a separação. Em seguida, procurou a polícia e registrou o caso.

Nesta quinta-feira, policiais civis conseguiram localizar Diego, que já apresentava sinais da doença, em Duque de Caxias.

Com tuberculose e herpes, ele foi levado para um hospital penitenciário, por determinação da Justiça.

Operação da Polícia Federal erradica cerca 234 mil pés de maconha no Sertão de PE

por Redação Nossa Voz

A Polícia Federal em Salgueiro-PE finalizou uma operação de erradicação de maconha em algumas cidades do Sertão pernambucano. Entre os dias 05 a 13 de fevereiro foram destruídos cerca de 234 mil pés de maconha, 73 plantios, 59 mil mudas da planta. 

De acordo com a PF, 40 policiais que fizeram abordagens terrestres, aéreas e fluviais com o apoio do Polícia Militar, além do Corpo de Bombeiros para realização de pronto atendimento caso haja alguma emergência. 

Os plantios foram localizados em algumas ilhas dos Rio São Francisco e na Região de Orocó, Cabrobó, Belém do São Francisco e Santa Maria da Boa Vista, e nas áreas de caatinga em Salgueiro, Carnaubeira da Penha, Serra Talhada, Betânia, Parnamirim, Ibó e Floresta.

Foto: Polícia Federal

Gerson Brenner é internado novamente com pneumonia em SP

Foto: Divulgação/Revista Conta Mais
por Folhapress


Gerson Brenner, 59, foi internado novamente em São Paulo com quadro de pneumonia. O Hospital São Luiz confirmou que o ator está há dez dias na UTI.

Brenner, que já usa cadeira de rodas para se locomover há mais de 20 anos, teve uma bronco aspiração por saliva, que evoluiu para uma pneumonia. Em 2017, o ator passou 67 dias na UTI tratando do mesmo problema. 

Conhecido por papéis nas novelas "Rainha da sucata" e "Corpo dourado", o ator teve a carreira interrompida após um assalto em 1998, que resultou em um tiro que quase o levou à morte.

Na época, ele foi abordado por bandidos enquanto viajava de São Paulo para o Rio de Janeiro, e levou um tiro na cabeça que limitou a sua fala e fez com que deixasse de andar.

MENSAGEM DA PRF AOS FOLIÕES


AGORA, OU VAI OU RACHA

Trump declara emergência nacional para construir muro com México

Presidente dos EUA toma medida inédita para se sobrepor à resistência do Congresso e conseguir recursos federais para cumprir sua promessa de campanha

AMANDA MARS

Trump no anúncio em que declarou emergência nacional. EVAN VUCCI AP

Donald Trump tomou uma atitude desesperada nesta sexta-feira e declarou estado de emergência nacional nos Estados Unidos com o objetivo de remanejar fundos para a construção do polêmico muro fronteiriço com o México. Com o fracasso de seu projeto no Congresso, onde os republicanos e democratas acertaram um acordo sobre uma lei orçamentária que exclui esse plano, o presidente decidiu apelar aos poderes especiais para obter fundos, provavelmente do Departamento de Defesa. Trump alega haver uma crise de imigração e de entrada de drogas. A primeira alegação dificilmente se sustenta com os números: o total de famílias que chegam à fronteira sem documentos atingiu, sim, um recorde, mas o número de pessoas que atravessam ilegalmente a divisa está longe de seu nível mais alto há duas décadas. E a segunda, a das drogas, muito dificilmente seria freada com um muro. Além disso, o próprio conceito de “situação de emergência” não combina com uma batalha que está sendo travada há meses em Washington.

Trump fez o anúncio no jardim da Casa Branca, acompanhado de familiares de um homem assassinado por um estrangeiro sem documentos, vinculando imigração irregular e delinquência. “Estamos falando de uma invasão de nosso país, de drogas, de crimes, de tráfico de pessoas”, disse. “Vou assinar uma declaração de emergência como já foram assinadas outras muitas vezes antes, por outros presidentes, e raramente foi um problema”, insistiu. O chefe de gabinete, Mick Mulvaney, estimou em cerca de 8 bilhões de dólares (29,7 bilhões de reais) a quantia que o Governo poderá utilizar com esta declaração para reforçar a segurança na fronteira.

CORONEL ANSELMO BISPO MANDA MENSAGEM AOS FOLIÕES


Hoje se inicia o Carnaval de Juazeiro 2019, que ele tem a paz, o amor e a alegria como seu tema principal. 

Que Deus proteja e ilumine a todas e a todos os envolvidos, profissionais e foliões. 

Feliz CARNAVAL!!

Volante do Olímpia trata de lesão com método utilizado por Neymar

Foto: Divulgação / EC Olímpia


O volante Paulinho, do Olímpia, recorreu ao mesmo tratamento do craque Neymar, do PSG, para curar a lesão no tornozelo direito. O jogador está fazendo a terapia com Plasma Rico em Plaquetas (PRP) sob o comando do Dr. Marcio Santana, chefe do departamento médico do clube de Lauro de Freitas, que vai disputar a Série B do estadual neste ano.

"Estamos buscando oferecer aos nossos atletas o que há de mais moderno na medicina esportiva. A ideia é que tenhamos força máxima na estreia da divisão de acesso do estadual. Por isso, será feito absolutamente tudo o que estiver ao nosso alcance para que todos estejam recuperados o quanto antes", afirmou o médico.

O tratamento de PRP consiste numa reprogramação de uma célula madura para uma célula que pode se transformar em quase qualquer tipo de tecido humano. O seu uso tornou-se bastante popular na Ortopedia e Traumatologia, pois pode regenerar tendões, auxiliar no tratamento de artrose e lesão da cartilagem.

A estreia do Olímpia na Série B do Baiano está marcada para o dia 10 de março, um domingo, diante do Galícia, em Pituaçu.

Exame detecta câncer 15 anos antes de seu surgimento


Uma empresa espanhola de biotecnologia criou um exame que detecta, com antecedência de 10 a 15 anos, a possibilidade de uma pessoa saudável desenvolver um tumor maligno no cólon. Chamado Colofast, o exame de sangue deve ser lançado no mercado neste ano.

BN

SERÁ QUE RUI COSTA VAI AGASALHAR DOIS FICHAS SUJAS NO GOVERNO?

Aliados querem Caetano e Isaac no governo, porém risco político é alto demais para Rui

por Fernando Duarte
Foto: Montagem/ Bahia Notícias


Fora dos mandatos para os quais foram eleitos após serem condenados por improbidade administrativa, Luiz Caetano (PT) e Isaac Carvalho (PCdoB) podem herdar cargos em escalões inferiores do governo da Bahia, comandado por Rui Costa. Pelo menos é essa a expectativa de aliados e, se o xadrez fosse simples, ambos já estariam nomeados. Mas há certa resistência de Rui.

Os dois são ex-prefeitos e obtiveram votos suficientes para garantir vagas na Câmara dos Deputados, mas foram enquadrados pela Lei da Ficha Limpa. No entanto, os impedimentos pouco parecem importar aos correligionários de ambos. O que é relevante é obter um cargo para chamar de seu.

Em um momento em que se exacerba a moralidade, ceder à pressão desses aliados para nomear Caetano e Isaac é um risco para o governador. Ainda que os eleitores tenham dado aval para que assumissem cargos políticos, a Justiça Eleitoral, baseada em decisões de outras instâncias, proibiu os dois ex-prefeitos de estarem em funções públicas. De acordo com informações que circulam nos bastidores, existe uma articulação para encontrar brechas legais para que haja as nomeações. Só é preciso medir se vale a pena ser jugado pela opinião pública diante do conflito sobre o que é moralmente aceitável.

Tanto o PT quanto o PCdoB trabalhariam com a ideia de que os dois ex-gestores, de Camaçari e de Juazeiro, mereceriam um espaço na máquina estatal. Do ponto de vista estritamente político, é aceitável que as legendas queiram “premiar” aqueles que receberam quantidade expressiva de votos. Afinal, políticos vivem de sufrágios e Caetano e Isaac mostraram ser capazes de angariá-los. Acontece que a cena está permeada por nuances muito mais complexas do que o reconhecimento daqueles que têm voto.

Os nomes dos dois eleitos deputados federais foram cogitados para integrar o primeiro escalão do governo Rui antes mesmo de estarem oficialmente fora dos mandatos na Câmara dos Deputados. Isaac já estava com a candidatura sub judice desde antes das urnas se fecharem. Já Caetano viveu uma experiência ligeiramente diferente. Pôde comemorar a eleição e até mesmo a diplomação, até que foi enquadrado pela Lei da Ficha Limpa pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Após as decisões definitivas da Justiça, figurar como secretário era improvável, mas nada impediu que os nomes dois circulassem como possíveis candidatos.

Rui ainda não fechou a reforma do secretariado, porém dificilmente terá um dos dois no primeiro escalão. No lugar dele, também não arriscaria comprar uma briga judicial e com a opinião pública apenas para garantir um lugar ao sol para aliados. Já em escalões inferiores, não descartaria ver Caetano ou Isaac nomeados pelo governo, após insistências dos partidos.

Como os políticos têm tendido a considerar que qualquer decisão contrária aos interesses particulares como uma injustiça, não é difícil prever qual o argumento a ser utilizado para quem defende os dois ex-prefeitos para cargos públicos. Só não peçam para que concordemos com essa desculpa.

DAVI LIMA CONCEDE ENTREVISTA EXCLUSIVA À RADIO WEB JUAZEIRO FALANDO SOBRE A "ZONA AZUL"

Davi Lima e Professor Kenayde

O RETRATO DA ADMINISTRAÇÃO DE JUAZEIRO

Colaborador do nosso blog manda imagens e texto sobre a situação da praça da igreja, no centro de Juazeiro

O cartão postal do carnaval  de uma cidade sem governo está exposto na Praça da Bandeira.






"Um verdadeiro acampamento está instalado na praça, canteiros e calçadas e nem o prédio da loja maçônica e as casas do ex-prefeito Misael Aguilar e do ex-deputado Etelvir Dantas escaparam. 

São redes, latadas e barracas por todos os lados num verdadeiro atentado a paisagem de um dos logradouros mais importantes da cidade, sem contar a sujeira e riscos para a saúde pública. 

O santuário da nossa Santa Padroeira assiste a mais esse ato de uma administração incompetente e sem compromisso com Juazeiro", finalizou nosso colaborador


Placa Mercosul: Emplacadores alegam perseguição do Detran após denúncias ao MP-BA

Foto: Reprodução / Diário Net
Por Lucas Arraz


O empresário Marco Antom Ribeiro diz que está há mais de 60 dias com as portas da sua empresa fechadas por conta de um entrave que teve com o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA). Para lidar com as contas, que não pararam de chegar, o empreendedor teve que vender um imóvel neste mês para pagar o salário de 10 funcionários da Nortear, sua empresa de emplacamento que encontra-se parada.

Antom foi um dos emplacadores que procuraram o Ministério Público (MP-BA) e denunciaram um suposto direcionamento do Detran-BA no processo de implementação das placas Mercosul no estado. Desde então, ele aguarda sem previsão o cadastramento da sua empresa para poder operar com o novo emplacamento.

No caso, o MP analisa se o Detran baiano favoreceu uma fabricante de placas que praticava taxas abusivas e desnecessárias pela venda dos produtos a emplacadores. A prática, além de ilegal, poderia elevar o preço final do produto para o consumidor baiano.

“Fico sem saber o que aconteceu. Já estou preparado para fazer o novo emplacamento e tenho ofícios pedindo o meu cadastramento datados do dia 21 de dezembro”, narrou Antom que aguarda uma vistoria do Detran que autorize sua empresa a funcionar e uma publicação no Diário Oficial que oficialize a operação.

Diante da espera, o empresário que alega estar na “lista negra do Detran” desde que efetuou as denúncias, entrou com um Mandado de Segurança na Justiça para ser autorizado a operar. “O Detran não me cadastra, pois eu não compactuei com as portarias e fiz uma representação ao Ministério Público”, bradou. Há 60 dias sem a autorização, Antom diz que outras empresas tem sua liberação publicadas no Diário Oficial depois de 1 dia do cadastro.

Presidente da Associação Baiana de Empresas Estampadoras de Placas e Tarjetas Automotivas (Abeep), Jorge Lelis diz que a situação de Antom tem se repetido em todo o estado. Segundo ele, mais de 150 emplacadoras não aceitaram assinar contrato com a fabricante Promac e estão fechadas por ausência de liberação do Detran-BA. Os empresários levantam suspeita de uma suposta relação da fabricante com a direção do Detran-BA.

No suposto direcionamento apurado pelo MP, o órgão de trânsito teria favorecido o cenário para a Promac obter a reserva do mercado da fabricação de placas. Única opção, a fabricante estaria praticando preços abusivos ao vender o par do Mercosul para estampadores além de exigir um contrato de fidelidade com multa rescisória de R$ 500 mil.

O QUE DIZ O DETRAN

Em conversa com o Bahia Notícias, Lúcio Gomes, diretor-geral do Detran-BA, negou as irregularidades e alegou que o órgão atua para garantir a seguridade da implementação da nova placa no estado.

“Os estampadores não acreditavam que o processo de implementação da placa Mercosul iria acontecer e por isso não se prepararam corretamente. Eles querem atropelar os processos, mas não vamos comprometer a segurança jurídica e pública por isso”, destacou o Diretor-Geral.

Gomes alegou que as empresas emplacadoras não teriam cumprido exigências mínimas para serem credenciadas, mas negou que haja perseguição ou favorecimento para que a Promac seja a única fabricante no estado.

“Visitamos até duas vezes as emplacadoras. Temos quatro fabricantes credenciadas no Detran que estão aptas a produzir. Nesta sexta publicaremos mais 10 empresas que terão permissão para estampar”, argumentou.

Gomes também ressalta que a maior exigência para o credenciamento é uma definição do próprio Departamento Nacional de Trânsito, que quer eliminar antigos problemas. “Quando o modelo era a placa cinza havia um total descontrole da produção de placas. Havia um comércio clandestino nos arredores do departamento que facilitava o “esquenta” de carros, falou. As novas placas possuem QR Code e um sistema digital integrado para dificultar a sua falsificação.

O QUE DIZ O MINISTÉRIO PÚBLICO

O Ministério Público da Bahia deu até o dia 14 de janeiro para que o Departamento Estadual de Trânsito credenciasse a fabricante de placas Blanks para trabalhar com os estampadores no estado. Ainda sem a atuação da Blanks garantida, os estampadores reclamam da ausência de concorrência para a Promac.

Fim do mistério: 73 peças perdidas da Calçada da Fama são recuperadas e voltarão ao estádio

Marcas de ídolos do futebol brasileiro, como Nilton Santos, Romário e Gerson, passaram quase uma década vagando em salas do Maracanãzinho
Sócrates
Por Allan Caldas e Tino Marcos — Rio de Janeiro

A GRAVATA MORTAL

Jovem morre após 'gravata' de segurança em mercado na Barra

De acordo com Corpo de Bombeiros, rapaz de 19 anos sofreu parada respiratória. Vídeo mostra segurança sobre o garoto, suspeito de furto, que está imóvel.


Por G1 Rio e TV Globo

Justiça condena homem a mais de mil anos de prisão por estuprar a enteada 63 vezes

Pena foi calculada com base nos 16 anos de detenção por cada abuso, multiplicado pelas vezes em que a vítima foi estuprada. Advogado de defesa afirma que já recorreu da decisão.

Por G1 Rio Preto e Araçatuba
Padrasto foi condenado a mais de mil anos de prisão por abusar da enteada em Fernandópolis — Foto: TV TEM/Reprodução


A Justiça de Fernandópolis (SP) condenou um sitiante a mais de mil anos de prisão por estupro de vulnerável. Segundo a sentença, ele abusou sexualmente da enteada durante cinco anos. A decisão de janeiro é em primeira instância e, segundo o advogado, o réu já recorreu.

Para chegar a 1.008 anos de prisão, o juiz multiplicou os 16 anos de condenação por cada estupro pelas 63 vezes – número estimado - que a vítima teria sido abusada. O réu já está preso.

Justiça condena homem a mais de mil anos de prisão por estuprar a enteada 63 vezes

 
Justiça condena homem a mais de mil anos de prisão por estuprar a enteada 63 vezes

Segundo o Ministério Público, o acusado morava com a menina e a mãe dela em um sítio em Bálsamo (SP). Os abusos começaram quando ela tinha 6 anos e terminaram somente aos 11 anos, quando a mãe rompeu o relacionamento com o homem.

Quem desconfiou dos abusos e fez a denúncia foi a tia materna da menina, que procurou a polícia.

O advogado de defesa informou à TV TEM que não pode entrar em detalhes sobre a sentença porque o caso está em segredo de Justiça. O caso chegou à Justiça em 2018 e os abusos teriam começado em 2012.

Condenação foi dada no fórum de Fernandópolis — Foto: TV TEM/Reprodução

Pena máxima de 30 anos

No Brasil, de acordo com o Código Penal, artigo 75, “o tempo de cumprimento das penas privativas de liberdade não pode ser superior a 30 anos”.

O juiz disse na sentença que essa pena tão alta auxilia no benefício da progressão da pena. Segundo ele, se a sentença for mantida nas instâncias superiores, ele deve cumprir os 30 anos de prisão.

MILIONÁRIO É CONDENADO POR AGRESSÃO À LUIZA BRUNET

TJ mantém condenação do empresário Lírio Parisotto por agressão a Luiza Brunet, diz advogado

Parisotto já havia sido condenado em primeira instância pelo episódio que aconteceu em 2016, nos EUA. Ele nega as acusações.

Por G1 SP — São Paulo

Lirio Parissoto e Luiza Brunet em foto de arquivo — Foto: Luiza brunet

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) decidiu nesta quinta-feira (14) manter a condenação em segunda instância do empresário Lírio Parissotto por agressão à ex-companheira Luiza Brunet. A informação foi confirmada pelo advogado da atriz, Pedro Egberto da Fonseca Neto.

Em junho de 2017, Parissotto já havia sido condenado em primeira instância a um ano de detenção em regime semiaberto. A juíza Elaine Cavalcanti determinou que o réu ficasse dois anos sob vigilância, sendo obrigado a cumprir serviço comunitário durante 12 meses. Ele recorreu da decisão e aguardava o julgamento do novo recurso.

O TJ informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que os "processos relacionados à violência doméstica correm sob segredo de Justiça. Têm acesso à decisão apenas as partes e seus advogados".

De acordo com o advogado de Luiza, os desembargadores decidiram por unanimidade de três votos a zero manter a condenação.

“A Luiza recebeu a notícia com tranquilidade, porque ele realmente a agrediu. Nós só lamentamos é que a pena para quem comete esse tipo de crime seja tão branda. Ele não vai ficar preso”, afirmou Fonseca Neto.

O G1 tenta contato com a defesa de Parissotto. Desde que o caso veio à tona ele nega as acusações.

OS MELHORES MOMENTOS DE FLAMENGO X FLUMINENSE

Luciano marca no fim, Fluminense bate o Flamengo e encara o Vasco na decisão
Em jogo marcado por homenagens aos dez jovens que morreram no incêndio no Ninho do Urubu, Tricolor controla as ações e é premiado com gol da vitória aos 47 minutos do segundo tempo

Padrasto que espancou bebê em SP é indiciado por tortura

Caso ocorreu em Guarujá, no litoral de São Paulo, e teve grande repercussão. Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) investiga o caso.

Por G1 Santos
Criança foi filmada sendo agredida pelo padrasto, em Guarujá, SP 
 Foto: G1 Santos


Equipes da Polícia Civil fazem buscas pelo homem que aparece agredindo um menino de dois anos, no banheiro de uma casa, em Guarujá, no litoral de São Paulo. Após a divulgação do vídeo com as agressões, equipes do Conselho Tutelar encontraram tanto a mãe, quanto a criança. Ambos receberão apoio do órgão. O autor foi indiciado por crime de tortura.

As imagens, que viralizaram nas redes sociais, foram obtidas pelo G1 na quinta-feira (14). Padrasto da criança, o homem é filmado dentro da própria casa, no bairro Morrinhos, agredindo brutalmente a criança, que chora a todo momento.

Após a repercussão das imagens, segundo o Conselho Tutelar da cidade, a mãe e o menino foram localizados na casa de familiares, no bairro Santa Rosa. Ela compareceu à unidade e, também, na Delegacia Sede do município, onde prestou depoimento.

O G1 apurou que ela confirmou ter conhecimento da existência das imagens. O vídeo teria sido registrado há cerca de dois meses, na casa do ex-companheiro, um motoboy, no bairro Morrinhos. Durante o depoimento, ela não soube explicar quem teria divulgado as imagens nas redes sociais, e também confessou não tê-lo denunciado antes porque era ameaçada constantemente.

 
Vídeo mostra criança sendo brutalmente agredida por padrasto em Guarujá, SP

Um boletim de ocorrência foi registrado e, após ser ouvida, a mulher foi liberada. Agora, equipes do Conselho Tutelar da cidade presarão apoio para ela e para a criança, com acompanhamento psicológico. O caso continuará a ser investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) da cidade.

Segundo apurado pelo G1, a Polícia Civil faz buscas na intenção de localizar o suspeito, que já foi identificado. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que o agressor foi indiciado pelo crime de tortura e diligências estão em andamento para localizar e prender o autor. Até a manhã desta sexta-feira, porém, ele não havia sido encontrado.
Mãe de menino foi ouvida na Delegacia Sede de Guarujá, SP —
 Foto: Guilherme Lúcio / G1

Agressões

O vídeo passou a repercutir nas redes sociais e em aplicativos de mensagens na quarta-feira (13). A criança aparece sendo agredida no box do chuveiro, no banheiro de uma residência. Ela recebe chineladas e, depois, é jogada no chão.

Depois, o agressor leva o menino, segurando-o pelo pescoço, para o quarto, onde o suspende e, logo depois, joga a criança na cama. Ele não se preocupa com a pessoa que o filma durante a ação, que também não intervém.

Uma pessoa próxima à família conversou com o G1 e contou que as agressões aconteciam frequentemente, e que nada era feito para que a situação fosse revertida. "Sempre brigavam por conta do ciúme do menino. Até para dormir na cama com ela era difícil, gerava confusão", disse a testemunha, que não quis se identificar.

ISAAC CARVALHO GANHARÁ ASSESSORIA NO GOVERNO BAIANO

Resultado de imagem para isaac carvalho

Nesta manhã, o estúdio da Radio Web Juazeiro recebeu a informação que o governador Rui Costa, mesmo contra sua vontade e cedendo a pressões da cúpula do PCdoB, irá nomear o ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho como assessor(ainda sem função definida).  

O centro Administrativo da Bahia (CAB) terá mais um "inquilino", que tentou ser candidato a deputado federal, teve sua candidatura impugnada pela lei da ficha-limpa, tentou de todas as formas possíveis recuperar o mandato através da justiça e pagando um altíssimo preço, mas não obteve sucesso.  

Agora, sendo agraciado pelo governador, Isaac Carvalho receberá uma assessoria.  

Mais informações a qualquer momento.

Ministro garante a FBC liberação de R$ 17,6 milhões para Petrolina nos próximos dias

Resultado de imagem para Gustavo Canuto e fernando bezerra coelho

Um total de R$ 17,6 milhões deverá ser liberado pelo governo federal, nos próximos 15 dias, para investimentos em mobilidade urbana no município de Petrolina. A garantia foi dada pelo ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, ao senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) na noite de ontem, em Brasília.

Durante a audiência, na sede do ministério, o senador também solicitou ao ministro a concessão de recursos do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR) para a conclusão de 140 casas em construção em Poço Dantas e Cacimba do Baltazar, zona rural de Petrolina. “O ministro Canuto foi muito receptivo às nossas demandas e demonstrou grande disposição para que os recursos sejam liberados no menor tempo possível”, conta Fernando Bezerra.

Tanto os financiamentos direcionados à mobilidade urbana quanto ao PNHR passaram para o âmbito do Ministério do Desenvolvimento Regional (até o governo anterior, eles estavam sob a gestão do Ministério das Cidades). No último dia 31 – acompanhado pelo prefeito Miguel Coelho e o deputado federal Fernando Filho (DEM-PE) – o senador reuniu-se com o presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Pedro Guimarães. Naquela ocasião, eles também solicitaram a célere liberação do financiamento de R$ 17,6 milhões para a cidade-natal de Fernando Bezerra Coelho.


por Magno Martins
quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

TRÂNSITO NO CENTRO DA CIDADE, CONSEGUE FICAR MUITO PIOR QUE ANTES

Carnaval de Juazeiro: montagem de estrutura afeta trânsito na Adolfo Viana e condutores enfrentam congestionamento


(foto: Thiago Santos/Preto no Branco)

Na manhã desta quinta-feira (14), motoristas e motociclistas que transitaram pela Adolfo Viana, no Centro de Juazeiro, tiveram dificuldades para trafegar na via e ruas adjacentes. Com a finalização da montagem da estrutura para o Carnaval da cidade, que começa nesta sexta-feira (15), algumas ruas que fazem parte da extensão da avenida estavam parcialmente interditadas.

Na rua Fernandes da Cunha, próximo a Praça do Boi, o trânsito ficou lento, ocasionando uma longa fila de carros. Uma estrutura montada no inicio da via, afetou o trânsito. Na Avenida Adolfo Viana, no cruzamento com a Rua da 28, onde também foi montada uma estrutura de tenda, também houve congestionamento no trânsito. Um dos sentidos da via ficou interditado, impossibilitando a passagem de veículos.



(foto: Thiago Santos/Preto no Branco)

Em outras ruas, como a Visconde do Rio Branco, Luís Cursino, Esmeraldo Aragão e Henrique Rocha, o tráfego de carros e motos está totalmente interrompido.

Período da festa

Conforme a Companhia de Segurança, Trânsito e Transporte (CSTT), a partir desta quinta-feira (14) a noite todas as ruas que fazem parte da extensão da Avenida Adolfo Viana estarão interditadas. Nesta sexta-feira (15), primeira noite da festa de Momo, o Circuito Ivete Sangalo (na Avenida Adolfo Viana) será interditado das 16h às 06h. Já no Polo João Gilberto (Orla II) o tráfego estará proibido das 12h às 06h, durante os três dias de festa. No sábado e domingo, a interdição começa às 14h no Circuito Ivete Sangalo e no Polo Luiz Galvão (Rua da 28 de Setembro).

O estacionamento também estará proibido nas seguintes vias: Orla I (até Bradesco Seguros), Rua Um (Alto da Maravilha), Rua Fernandes da Cunha (Praça do Boi), Rua Oscar Ribeiro, Rua Elizabete Safira, Rua Góes Calmon, Praça Imaculada Conceição (Praça da Bandeira), Rua Antônio Pedro, Rua do Socorro e a Praça Barão do Rio Branco (ao lado do Banco Itaú). A proibição começa a partir das 14h, durante os três dias da festa de Momo.

O setor de trânsito da Companhia informou que todos os dias, uma hora antes da interdição, um carro de som passará nas vias que serão interditadas solicitando que os condutores retirem seus veículos do circuito. Os carros e motos que estiverem estacionados nos locais proibidos serão removidos para o pátio da CSTT, e só serão liberados após pagamento da tarifa de remoção que custa R$ 129,05, o equivalente a 01 VRF (Valor de Referência Fiscal).

Após o pagamento da taxa de remoção, o veículo poderá ser retirado na sede da CSTT, que estará funcionando durante o final de semana, das 15h até 01h da manhã. Os veículos que forem apreendidos no domingo de madrugada, só poderão ser retirados na terça-feira (19), a partir das 8h, devido o feriado municipal na segunda-feira (18).


O LADO PODRE DA PRE

Câmeras escondidas flagram Policiais Rodoviários Estaduais recebendo dinheiro de corrupção

Polícia evita homicídio agora na orla de Juazeiro.






Uma briga entre menores quase resultou em homicídio na orla nova de Juazeiro. Dois menores, aparentando 12 a 13 anos agrediram com pedras um outro menor também aparentando 13 anos, o mesmo já apresentava um profundo ferimento na cabeça. Uma viatura da Polícia próxima evitou o pior.Os dois menores foram detidos.


Mauricio Dias

MP-BA deve recorrer de rejeição de denúncia contra deputado Roberto Carlos


O Ministério Público da Bahia (MP-BA) deve recorrer da decisão plenária tomada pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) de rejeitar a denúncia contra o deputado Roberto Carlos. Em nota, o MP baiano informou que, após a notificação oficial da decisão de desta quarta, “avaliará a possibilidade de recorrer”. O MP-BA é o titular da ação. A denúncia é decorrente da Operação Detalhes, que investigava um esquema de funcionários fantasmas na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) em que o denunciado era beneficiado com o recebimento de salário dos servidores.

O presidente do TJ, desembargador Gesivaldo Britto, desempatou a votação que culminou com a rejeição da denúncia, sob o argumento de que as provas da operação são ilícitas, produzidas a partir de um relatório do Conselho de Controle Administrativo Financeiro (Coaf), por identificar movimentações atípicas na conta do parlamentar. A Operação Detalhes foi deflagrada em 2012 e só foi julgada nesta quarta diante do pedido de preferência do relator, desembargador Júlio Travessa, que sinalizou preocupação com uma possível prescrição do caso no Pleno do TJ.


Bonfim noticias

Relatório do Coaf vira árvore envenenada na Operação Detalhes. E quem pune o fruto podre?

Foto: Reprodução/ Peter Paul Rubens

Em votação apertada, o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA) rejeitou a denúncia contra o deputado estadual Roberto Carlos (PDT) por supostamente se apropriar de recursos de servidores da Assembleia Legislativa da Bahia, alvo da Operação Detalhes. O voto de “minerva” coube ao presidente da Corte, Gesivaldo Britto, e a base para a rejeição da denúncia foi a doutrina dos frutos da árvore envenenada. Foi a mesma teoria que inviabilizou a Operação Castelo de Areia, que seria uma precursora da Lava Jato, mas acabou arquivada. Porém a aplicação dessa doutrina em um caso como esse é uma vergonha para todos nós.

A Operação Detalhes, deflagrada nos idos de 2012, deveria ter sido um marco para o uso de “laranjas” por parlamentares baianos. Além de Roberto Carlos, alvo desse processo, outros 16 deputados estaduais teriam praticado atos similares no Legislativo. No entanto, nenhum dos envolvidos foi punido e apenas o pedetista estava em julgamento no TJ-BA. Em suma, os desembargadores deram o aval para que a prática sequer tornasse um deputado réu – ainda que o relator do processo aponte que ao longo das investigações tenham sobrado provas de que o parlamentar estava envolvido até o pescoço com o uso de funcionários fantasmas para desviar recursos públicos.

Não adianta pegar Roberto Carlos para cristo, inclusive. Exemplos recentes de deputados acusados de fazer o mesmo com frequência já foram, inclusive, assunto de um artigo neste espaço (lembre aqui), vide os casos de Flávio Bolsonaro e Lúcio Vieira Lima. Todavia é importante discutir que, em algumas situações, a legalidade é uma afronta à moralidade. E o uso do fruto da árvore envenenada é constrangedoramente um atentado a qualquer tentativa de um país efetivamente sério. Afinal, se for olhar na gênese desse Brasil, sempre há algo de errado.

A doutrina do fruto da árvore envenenada é um modelo importado dos Estados Unidos. Porém já devidamente prevista no Direito brasileiro. Na origem, preconizava que uma prova obtida de maneira ilícita comprometeria todo o processo legal. Porém existem variações de entendimento que permitem que essa prova obtida de maneira não lícita possa ser considerada numa investigação. Desde a boa fé na obtenção da prova até a independência da fonte de origem. Pouco comum no processo penal brasileiro, nenhuma dessas interpretações parece ter sido avaliada na decisão final do Pleno do TJ-BA.

No caso da Operação Detalhes, o relatório de movimentações suspeitas do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) foi encaminhado para a Polícia Federal antes que Roberto Carlos pudesse explicar administrativamente transferências e depósitos atípicos. Não haveria explicação, até porque, após o relatório, outras provas comprovariam que havia irregularidade na nomeação e controle das contas de servidores lotados no gabinete do parlamentar. Para a maioria dos desembargadores, as movimentações identificadas pelo Coaf foram uma medida “drástica” contra Roberto Carlos. Então uma agressão ao bolso do contribuinte, que assistiu recursos públicos sendo usurpados, é menos drástico?

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) avalia se vai ou não recorrer da decisão do Tribunal. Caso opte por não recorrer e reinicie uma investigação por um ponto diferente do novelo, talvez haja algum sucesso. Pena que a morosidade do Judiciário deve provocar a prescrição do crime que eventualmente tenha sido cometido. O que fica, sem sombra de dúvidas, é a indignação. Ao invés da árvore ser envenenada, poderíamos considerar apenas o fruto podre, não é mesmo?

por Fernando Duarte